Shimano Di2 Wireless // Com cara de SRAM eTap e com possível gerador de energia?

Imagens de patentes mostram uma possível super atualização no sistema Shimano Di2 atual: ele passaria a ser wireless, hidráulico e com gerador de energia.

Se juntarmos as pecinhas deste quebra-cabeça, podemos imaginar tudo isso. Poderia ser este o novo Shimano Dura-Ace?

Veja bem o desenho da patente. Analise suas linhas de design. Não lembra, e muito, o SRAM Red eTap? Sabemos que a Shimano está um pouco desesperada pela constante perde de mercado para a SRAM, então seria esta a estratégia para retomar sua fatia de mercado?

Muitas perguntas. Pouquíssimas respostas.

// Alavancas ou botões?

Ao contrário do SRAM eTap, o qual ativa os câmbios por botões, o novo sistema Shimano Di2 indica que a famigerada alavanca ainda existirá e se movimentará para dentro como sempre fez. Esta alavanca é o que acionará o comando elétrico.

Em outras palavras, a alavanca faz o papel do botão. Uma forma interessante de fazer o eletrônico continuar sendo manipulado como mecânico. Mas, um grupo eletrônico não tem a função de exigir menos trabalho e esforço por parte do ciclista?

Os desenhos e descrições indicam que a bateria pode não ser removível, já que o recarregamento dela é feito pelo próprio sistema, mas não há confirmações sobre isso, assim como que protocolo de comunicação o sistema utilizará.

// Geração de energia elétrica por dínamo

Nesta outra publicação, a imagem da patente mostra um pequeno dínamo que funcionaria dentro da polia tensionadora do câmbio traseiro. Este pode ser a forma como o novo sistema Di2 será recarregado durante as pedaladas.

// Geração de energia por pressão e vibração

Há também rumores que a geração de energia do sistema poderia vir de pressão e vibração. Hã??? Pois é. A cada pressionada na alavanca de freio, o sistema pode gerar energia elétrica através de Piezoeletricidade.

// O que a Shimano diz sobre isso?

“A Shimano está constantemente trabalhando para aprimorar seus produtos, e não responde à rumores e especulações, não importa se algo está em desenvolvimento ou não.”

Póóóóim… :-/

Deixe seu comentário!

Fabio Santos
Graduado em Comunicação Social & Marketing, mecânico de bicicletas, curioso, perfeccionista e muito chato. Desenvolvedor de produtos para o mercado de bicicletas, amante das bicicletas e toda a mecânica e tecnologia que envolve essas maravilhosas máquinas. Fundador da Revista BikeUP e do BikeBlog.